Aprenda a fazer café na Aeropress
Café coado com jeitinho de espresso! Foi por isso que esse método de preparo conquistou as xícaras e corações de amantes do café no mundo todo.

O acessório surgiu de onde se menos imaginava: da Aerobie, empresa norte-americana de frisbees e bumerangues de plástico, que ficou famosa nos anos 1980. Foi o engenheiro Alan Adler, grande fã de café, que decidiu personalizar sua experiência com a bebida e o resultado virou um sucesso.

Desde seu lançamento em 2005, a brincadeira ficou tão séria que hoje existem campeonatos nacionais e internacionais entre baristas para extrair o melhor café na Aeropress. A grande sacada é sua versatilidade: cada um define sua própria receita em relação à temperatura da água, tempo de infusão e granulometria do pó de café (tamanho das partículas de café depois de moído).

Composto por um pistão com uma borracha hermética em uma de suas extremidades, ele é encaixado em um tubo de plástico e precisa de certa pressão para coar o café. O vídeo abaixo com o barista Daniel Munari mostra como é simples, prático e rápido fazer o café nesse método de preparo.

Ingredientes:
20g de Café Orfeu (Sugestão Orfeu: se você não tem uma balança em casa, use duas colheres de sopa bem cheias)
200ml de água quente
1 Aeropress
1 moinho (pode ser elétrico ou manual)

Se você não tem moinho, você pode comprar já na moagem específica aqui.

Tempo de Preparo: 2 min – 3 min
Porções: 1 caneca ou 2 xícaras

Modo de preparo:
1. Aqueça a água, coloque o filtro de papel na Aeropress e escalde-o.

2. Encaixe as duas partes da Aeropress.

3. Adicione 200ml de água quente (quase a Aeropress cheia).

4. Misture só um pouco o café e aguarde por 1 – 3 minutos para a infusão acontecer.

5. Inverta a posição da Aeropress e pressione o êmbolo até ouvir um chiado. Note que uma camada de ar impulsiona o café para baixo. Esta é a dica para deixar seu café coado com aspecto de espresso!

Sugestão Orfeu: O uso de um cronômetro é importante para que a extração seja exata e para você conseguir repetir o mesmo resultado várias vezes. Anote as melhores combinações entre granulometria, tempo de infusão e temperatura água ideais para sua receita. Teste! Experimente! É assim que os baristas chegam em cafés perfeitos.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe um comentário

Your email address will not be published.

*

After you have typed in some text, hit ENTER to start searching...